Como ficar Offline num Mundo Online?

Como ficar Offline num Mundo Online? Esta questão tem pairado ultimamente na minha mente. No mundo digital em que vivemos é normal estarmos quase sempre Online. As Redes Sociais são hoje em dia não só um entretenimento, mas um dos meios para nos conectarmos virtualmente uns com os outros, uma fonte de informação/inspiração inesgotável e uma maravilhosa ferramenta de trabalho. Acabam por ser tão intuitivas e tão fáceis de utilizar que acabamos por ocupar muito do nosso tempo a navegar.

Em Abril deste ano, o meu cérebro avisou-me da pior forma que o estava a sobrecarregar com demasiada informação e tarefas. Automaticamente uma das coisas que aconteceu foi perder completamente o interesse em ver Televisão. Cenários demasiado rápidos, pessimistas e informação pouco relevante para o momento que estava a atravessar. Já passaram quatro meses e até agora a Televisão lá de Casa continua Desligada. Podia fazer-vos uma lista imensa dos benefícios que tanto eu como o Joel sentimos em termos tomado juntos esta opção, que na altura foi quase obrigatória, mas digo-vos apenas que em quatro meses, li quatro livros (lendo-os apenas ao final do dia, quando mais via televisão, ao chegar a casa depois de um dia de trabalho).

Mas a questão permanecia. Como ficar Offline num mundo Online? Não me conseguia desprender da necessidade de ligar a internet e passear pelas redes sociais, só porque sim. Sei que sou dependente destas ferramentas mas que nem sempre tenho feito um bom uso delas. Uso maioritariamente as redes sociais em busca de inspiração para o meu trabalho, sigo imensos Blogs, e gosto de estar sempre a par das ultimas novidades (como qualquer pessoa), mas é muito fácil perdermos o foco ao utilizar o Instagram, Pinterest ou Facebook (pelo menos estas são as 3 que utilizo todos os dias). Acaba por ser uma bola de Neve que vai girando, girando, alimentando cada vez mais a nossa curiosidade e cativando-nos para permanecermos mais um pouco. Os conteúdos poderão nem sempre ser maus, mas mesmo o que é bom em demasia acaba por estragar-nos. A questão é – ganhar foco.

Senti que o perdi muita vezes. Senti que perdi muitas coisas, muitos momentos que estavam bem ao meu lado. A vida é tão melhor quando vivemos mais desconectados do Virtual. Por isso decidi fazer um DETOX de Redes Sociais que iniciei ontem. Partilho convosco algumas dicas que estou a colocar em prática, e que me estão a ajudar a ser bem sucedida neste desafio:

  • Corta o hábito de ter os dados móveis sempre ligados no telemóvel, vai ajudar-te a resistires mais ao impulso de acederes ao mundo virtual.
  • Evita ao acordar, agarrar no telemóvel ou tablet.
  • Deixa o Telemóvel/Tablet de lado enquanto tomas uma refeição, aproveita para desfrutares do momento, e saboreares a tua comida.
  • Sempre que possível, conecta-te fisicamente com os teus amigos e família, conversa, fala, marca um encontro, não os sigas apenas online.
  • Define um horário ou período máximo de tempo em que podes estar on-line, se for preciso, com a ajuda de um despertador para te controlares melhor.
  • Evita ao final do dia (principalmente antes de te deitares) utilizar qualquer tecnologia, irá ajudar-te a descansares o teu cérebro. Pensa por exemplo usar esse tempo para fazeres uma actividade prática de que gostes.
  • Corta a necessidade impulsiva de partilhares o teu dia-a-dia com os outros. Regista as tuas imagens diárias sem internet ligada. Depois avalia e filtra os conteúdos que irás partilhar.
  • Escreve num papel os temas ou assuntos que precisas mesmo de ler/pesquisar ou procurar inspiração, para aquele dia. Centra-te apenas nesses. Assim não te distrais tanto.

São apenas algumas dicas, poderás adicionar outras ou adaptares as mesmas para que façam mais sentido para a tua vida. O importante é saboreares o dia-a-dia com mais calma, com mais presença, e quem diria, que isso só acontece quando estas offline do resto.

Partilha com os teus amigos e atreve-te a mudar! Sempre para melhor!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*